Residências

Projetos de Irrigação para Residências

O Brasileiro cada vez mais valoriza o contato com a natureza. Esta valorização estimulou o interesse em jardinagem e paisagismo.

Nas ultimas décadas, gradualmente, a área jardinada começou a fazer parte integral do projeto de construção ou reforma de residências, resultando em projetos de jardins irrigados cada vez mais evoluídos.

Com o refinamento da tecnologia aplicada em sistemas de irrigação em residências, a necessidade de esclarecer dúvidas se tornou mais freqüente. Segue abaixo um passo a passo que poderá servir de apoio na realização do seu projeto.

 

Iniciando o projeto de Irrigação em Jardim Residencial

Antes de começar a dimensionar o sistema de irrigação, precisam ser abordadas algumas questões básicas de grande impacto quanto à viabilidade do projeto.

A demanda de água gerada pela área jardinada em época crítica não pode exceder a quantidade de água disponível. Em muitos casos o sistema depende da rede pública de abastecimento, ou seja, a irrigação concorre com o consumo humano. Este último tem um peso maior.

É preciso levantar todas as fontes de água aptas a serem utilizadas. Inclui os eventuais poços, lagos, rios e represas ao longo da propriedade.

Verifica-se a possibilidade do uso da água servida e/ou da chuva proveniente da própria residência. A possibilidade de armazenar estas águas em lagos, cisternas ou caixas deve ser considerada na análise preliminar do balanço hídrico do empreendimento.

A boa qualidade da água nas potenciais locais de captação é essencial para não prejudicar a saúde da vegetação e para garantir o bom funcionamento do sistema. A presença de bactérias pode causar doenças em humanos em caso de contato com a água aspergida durante irrigações. Eventuais tratamentos são avaliados.

Não basta ter água em quantidade e qualidade adequada; é preciso ter passagem para as tubulações que ligam a área a ser irrigada à fonte. A própria casa, a piscina e/ou pavimentações podem formar barreiras intransponíveis para a distribuição dos tubos.

 

Elaborando o projeto de Irrigação em Jardim Residencial

Após comprovada a viabilidade do projeto, é marcada uma visita técnica no local para trocar informações sobre 10 assuntos importantes para sua elaboração:

1) Topografia do terreno
2) Tipos de solo
3) Tipos de vegetação
4) Construções e pavimentações existentes
5) Pontos de captação d’ água
6) Pontos de captação de energia
7) Setorização
8) Automação
9) Instalação
10) Manutenção

O sistema de irrigação para o jardim, elaborado pela análise e processamento das informações obtidas, pode ser apresentado num orçamento descritivo sem custo ou num projeto executivo que revela o sistema em todos os seus detalhes técnicos e financeiros, este já com valor pré-estabelecido.

Conheça os projetos de irrigação para hotéis;

Conheça os projetos de irrigação para condomínios;

Conheça os projetos de irrigação para indústria

Conheça os projetos de irrigação para clubes de futebol;

A implantação e manutenção do projeto de Irrigação em Jardim Residencial

A instalação do sistema deve ser executada por mão de obra qualificada. O papel da nossa equipe se resume em fornecer e gerenciar montadores especializados e administrar o fluxo de materiais. Ensinamos ao proprietário tanto como programar quanto a operar o sistema manualmente.

A PRO-DUTO Irrigação ainda se encarrega da assistência técnica e da manutenção através do envio de especialistas ou via gerenciamento de mão de obra local para problemas mais simples, se o cliente assim preferir.

Materiais de destaque para este segmento: aspersor escamoteável Hunter, Junta flexível Plasnova, conexões Tigre, tubo PEAD Tigre, válvula elétrica Hunter, tubo de PVC LF ponta bolsa Tigre, conjunto moto-bomba submersa Schneider, controlador Hunter, sensor de chuva Hunter, chave de partida direta WEG, cisterna Rotogine.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X