Mineradoras

Mineradoras

Projeto de Sistema de Combate à Poeira em Mineração

Um sistema de combate à poeira em mineração utiliza aspersores e canhões de impacto ou de engrenagem. São distribuídos pelas áreas geradores de pó como estradas, esteiras e pontos de acumulação de minério e dejetos.

O sistema de combate à poeira pode ser setorizado e dimensionado de tal forma que consegue manter a fonte geradora de pó úmida o suficiente para conter a emissão de partículas.

Um controlador aciona a válvula elétrica de cada setor durante um determinado intervalo programável de tempo, aplicando uma lâmina de água que mantém a umidade sem que a água escorra superficialmente formando lama e causando erosão.

Sensores que medem a chuva, a insolação e a umidade do solo são utilizados para interromper a rotina programada no controlador do sistema.

A instalação de um sistema de combate à poeira tende a aumentar o bem estar e produtividade dos humanos. Também ajuda a preservar a maquinaria na área atendida.

Principalmente em regiões secas e quentes, como a região de Montes Claros (MG), um sistema de combate à poeira pode fazer toda a diferença.

 

Iniciando o Projeto de Sistema de Combate à Poeira em Mineração

Anterior ao dimensionamento do sistema de combate à poeira é de grande relevância abordar algumas questões básicas que determinam à viabilidade do projeto.

A quantidade de água disponível deve cobrir a demanda de água gerada pelo projeto na época mais crítica.

Todas as potenciais fontes de água a serem captadas (poços, lagos, mananciais represas, …) devem ser levantadas e classificadas.

Após tratamento, existe a possibilidade de reuso de efluentes do processo de mineração no sistema de combate à poeira.

Contaminação bacteriológica pode afetar a saúde das pessoas em contato com a água aspergida. Resíduos orgânicos e físicos podem causar o entupimento dos bocais dos aspersores.

 

Elaborando o Projeto de Combate à Poeira em Mineração

Após comprovada a viabilidade do projeto de combate à poeira em questão, é marcada uma visita técnica no local para trocar informações sobre 11 assuntos importantes para a sua elaboração:

1) Localização das áreas de geração de poeira e impacto no ambiente
2) Análise das partículas e do solo
3) Fatores climáticos
4) Características do ambiente objeto do sistema
5) Trajetos potencias das tubulações e locais de instalação das bombas e controlador
6) Pontos de captação d’ água
7) Pontos de captação de energia
8) Tipo de emissor
9) Setorização
10) Instalação
11) Manutenção

O sistema de combate à poeira, elaborado pela análise e processamento das informações obtidas, pode ser apresentado num orçamento descritivo sem custo ou num projeto executivo que revela o sistema em todos os seus detalhes técnicos e financeiros, este já com valor preestabelecido.

 

Implantação e Manutenção do Projeto de Combate à Poeira em Mineração

A instalação do sistema deve ser executada por mão de obra qualificada, respeitando todas as normas de segurança do empreendimento. O papel da nossa equipe se resume em fornecer e gerenciar montadores especializados e administrar o fluxo de materiais. Ensinamos aos responsáveis como regular e operar o sistema.

A PRO-DUTO Irrigação ainda se encarrega da assistência técnica e da manutenção através do envio de especialistas ou via gerenciamento de mão de obra local para problemas mais simples, se o cliente assim preferir.

Materiais indicados para este segmento e utilizados pela equipe da PRO-DUTO Irrigação: aspersor Tigre, tubos e conexões PEAD Aflon, válvula elétrica Bermad, moto-bomba Grundfos, controlador Hunter, soft starter WEG, cabo Sil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X